TRF 1: Esse concurso vale a pena?

Olá, sou Roberto David, professor e diretor pedagógico do Ímpar Concursos, e gostaria de falar com você sobre o concurso do TRF1. Prometo que são apenas 7 minutinhos de leitura! Vamos lá? 🙂

POR QUE ESTUDAR PARA O CONCURSO DO TRF1 VALE A PENA (AINDA QUE NÃO PAREÇA)! 😀

PONTO 1: NÚMERO DE VAGAS: Em primeiro lugar, vamos esclarecer a razão pela qual o edital do TRF1 traz poucas vagas.

IMPORTANTE: ISSO NÃO SIGNIFICA QUE ESSE SERÁ O NÚMERO DE CONVOCADOS!

Talvez você tenha ficado desestimulado quando chegou nessa parte do edital, mas podemos lhe garantir que, ao contrário do que você pensou, este deveria ser um motivo de comemoração.

Mas como assim????? Calma! Vou te explicar.

Isso acontece por força do entendimento jurisprudencial firmado no sentido de que os aprovados em concurso dentro do número de vagas previstas no edital têm direito subjetivo à nomeação. Ou seja, ao longo do período de validade do concurso, os órgãos têm a OBRIGAÇÃO de convocar todos àqueles classificados dentro do número de vagas estabelecido no edital.

Apesar de o edital anterior a este não prever nenhuma vaga (ISSO MESMO, O ÚLTIMO EDITAL DO TRF1 TROUXE PREVISÃO APENAS PARA A FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA, isso já nos deixa em vantagem), foram convocados 1.220 candidatos aprovados para o cargo de Técnico Judiciário.

Agora esclarecida à questão das vagas, vamos falar da parte mais interessante? Isso mesmo, a REMUNERAÇÃO (oba!).

Falando em remuneração, gostaria de te contar uma informação relevante que vai fazer você acreditar um pouco mais em mim. É sério! Fui Servidor do TRF e do TRT (esses Tribunais usam exatamente a mesma tabela remuneratória e de evolução de carreira, hoje regulamentada pela Lei 13.317/16). Assim, conheço MUITO BEM essa realidade.

PONTO DOIS: REMUNERAÇÃO: Inicialmente, posso afirmar que o salário que você receberá assim que for convocado(a) será superior ao previsto no edital. Estamos num momento de implementação de um novo plano de cargos e salários, de forma que, já em Novembro de 2017, e até Janeiro de 2019, teremos aumento nessas remunerações.

Á medida que o tempo for passando, você progredirá na carreira, e isso também representará aumento na sua remuneração, que pode chegar até R$ 11.398,39. Nada mal, não é?!

Há ainda a possibilidade de a sua remuneração ser acrescido o valor correspondente às funções comissionadas ou cargos em comissão, interessante… Mas quais são os valores dessas gratificações? Ah, esses valores variam muito, mas podem alcançar o valor de R$ 14.607,74, só o cargo em comissão.

Acho que estamos de acordo sobre a excelente oportunidade que esse concurso representa!

Então, se você quiser encarar conosco esse desafio, lhe convido para participar de nosso curso Intensivão para o TRF1, que terá início no dia 23.10.2017, e ocorrerá os turnos matutino e noturno. Neste curso iremos conta com os melhores professores da Bahia.

Se tiver alguma dúvida, podemos nos encontrar nas redes sociais.

Não brincamos com sua aprovação, estamos a 20 anos colecionando aprovações, venha ser o nosso próximo caso de sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *